mau-desempenho Notícias 

Projeto institui perda de cargo de servidor por mau desempenho

Projeto institui perda de cargo de servidor por mau desempenho

mau-desempenho-thumbServidores públicos estáveis, aqueles que já passaram pelo estágio probatório e foram aprovados, poderão perder seus cargos caso tenham mau desempenho no trabalho. É o que propõe a senadora Maria do Carmo Alves (DEM-SE), que apresentou o Projeto de Lei do Senado (PLS) nº 116/2017. Se aprovada a proposta, servidores públicos municipais, estaduais e federais terão seu desempenho aferido semestralmente e, caso recebam notas inferiores a 30% da pontuação máxima por quatro avaliações consecutivas, serão exonerados. Também perderá o cargo aquele que tiver desempenho inferior a 50% em cinco das últimas dez avaliações.
 
   O projeto garante aos servidores o direito de pedir a reconsideração das notas, bem como de apresentar recurso ao órgão máximo de gestão de recursos humanos da instituição em que trabalha. Eventual exoneração ocorrerá após processo administrativo, instaurado depois das primeiras avaliações negativas, com o objetivo de auxiliar o avaliado a identificar as causas da insuficiência de desempenho e superar as dificuldades encontradas. A matéria será analisada pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) e pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS). Nessa última, deve receber decisão terminativa: se aprovada, não precisará ser votada em Plenário e poderá seguir para a Câmara dos Deputados.

  A Fenasera se coloca contra o projeto da senadora Maria do Carmo Alves. "Tamanho absurdo coloca os servidores ao alcance de ordens absurdas e das execuções direcionadas e encomendadas aos servidores cada vez mais precarizados e dependentes de uma pontuação uma vez que a demissão seria a possibilidade real de pressão e a boa conduta dos servidores  contraria a  outros interesses", afirmou o presidente da Fenasera, José Walter Alves Junior.

Related posts